XV vence o Guarani e diminui diferença para o G4

Publicado no dia 15/02/2018 às 05:02Por: Redação - PIRANOT / PORJUCA

O XV de Piracicaba foi até Campinas na noite desta quarta-feira (14), e venceu o Guarani por 1 a 0, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela sétima rodada do Campeonato Paulista Série A2. O atacante Jobinho, que já havia marcado contra o Taubaté, no último sábado, fez o gol da vitória quinzista no primeiro minuto do segundo tempo. De quebra, o Alvinegro ainda derrubou um tabu de 62 anos sem vitórias no estádio.

Foto: XV de Piracicaba

Com o resultado, o Nhô Quim subiu para a oitava colocação e diminuiu a diferença para o G4, que agora é de apenas um ponto. O Nhô Quim volta a campo pela competição no próximo sábado, quando recebe o Penapolense, no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, em confronto marcado para às 17h00.

O jogo

O XV de Piracicaba teve falta a seu favor nos minutos iniciais de jogo, mas, após levantamento na área, o goleiro Bruno Brígido ficou com a bola. Aos 13 minutos, Nazário roubou a bola no campo de defesa e tocou para Bruno Mendes, que avançou até a entrada da área e finalizou, porém Samuel Pires defendeu. Depois disso, o goleiro do Nhô Quim começou a brilhar. Novamente Nazário, aos 14 minutos, ajeitou para Bruno Mendes, dessa vez de cabeça. O atacante arrematou de primeira e a bola saiu pela linha de fundo.

Pires também fez ótima intervenção após desvio de cabeça de Ricardinho, aos 26 minutos. Aos 33 minutos, o arqueiro do Alvinegro espalmou forte chute de Lenon de fora da área e viu a bola bater no travessão em nova cabeçada de Ricardinho, aos 39 minutos. O XV voltou diferente para a segunda etapa e abriu o placar logo no primeiro minuto. Pedrinho cruzou, a bola passou por todo mundo e chegou até Jobinho, que estufou as redes. Três minutos depois, o atacante marcou novamente depois de escanteio e desvio de cabeça da ofensiva do Nhô Quim, porém o impedimento foi assinalado.

O duelo entre Bruno Mendes e Samuel Pires ganhou mais um capítulo aos 22 minutos, quando o atacante finalizou de dentro da área e o goleiro defendeu. O artilheiro Everton, aos 29 minutos, apanhou a bola depois de chute de Jean Pablo do campo de defesa, driblou o zagueiro e bateu colocado. Bruno Brígido impediu o segundo gol quinzista. Os donos da casa ainda ameaçaram o gol do Alvinegro aos 44 minutos. Lenon encontrou Elias, que mandou na rede pelo lado de fora. Assim, os três foram mesmo para Piracicaba.