Mulher de 24 anos é vítima de estelionato na Paulicéia, em Piracicaba

Publicado no dia 12/01/2018 às 09:39Por: Rafael Fioravanti

Uma mulher de 24 anos de idade foi vítima de estelionato esta segunda-feira (8) na Avenida São Paulo, bairro da Paulicéia, em Piracicaba. Embora o crime tenha ocorrido no começo desta semana, as autoridades só foram informadas às 19h de ontem (11).

A vítima informou que como seu irmão não usava mais uma motocicleta que tinha, decidiu vendê-la pelo valor de R$ 8 mil reais.

No bairro da Paulicéia, a vítima encontrou um interessado (estelionatário) pela moto e, assim que informou-lhe o valor do bem, o homem decidiu efetuar a compra.

A vítima foi informada pelo estelionatário que um depósito no valor acordado havia sido feito em sua conta, e por isso, ambos foram até o cartório para dar prosseguimento à transação.

A motocicleta foi entregue ao homem assim que saíram do cartório, e a vítima foi até seu banco para realizar o desbloqueio do depósito. Ali, a jovem de 24 anos foi informada por um funcionário que o desbloqueio só seria possível no dia seguinte.

Feito assim, a vítima informou às autoridades que retornou à agência bancária na manhã seguinte e descobriu que nenhum depósito havia sido feito.

Estelionato

O crime de estelionato fere o artigo 171 do Código Penal, Decreto Lei 2848/40. A pena para esse tipo de crime varia de um a cinco anos de reclusão, além de multa.

Trata-se do segundo roubo a motocicleta que relatamos na Paulicéia em menos de um mês. Na quinta-feira, 21 de dezembro de 2017, um homem relatou à polícia que sua moto também havia sido furtada no bairro. Relembre este caso clicando aqui.

O PIRANOT / PORJUCA tem mais notícias. Para continuar lendo, acesse nossa capa em www.piranot.com ou então clique aqui.