Guarda envia tropa para desocupar terreno em Piracicaba

Guarda envia tropa para desocupar terreno em Piracicaba

.

Foto: Você no PIRANOT

Um grupo de pessoas que ainda insistiam em continuar em um terreno da Prefeitura de Piracicaba onde serão construídos mais de 400 apartamentos do programa “Minha Casa, Minha Vida” foram tirados nesta manhã (30). Ontem eles haviam chegado em um acordo para sair, mas mudaram de ideia e continuaram.

A ocupação começou no domingo atrás de uma creche do Canta Galo, uma comunidade recém urbanizada. Desde a chegada das primeiras famílias, a Guarda Civil vinha orientando que não permitiria a invasão de mais um terreno.

Foto: Você no PIRANOT

Ontem, a corporação enviou ao local uma tropa para retirar os invasores que, após uma negociação, decidiram por deixar o terreno no final da manhã, o que não ocorreu. Já hoje, um número maior de guardas foi enviado ao local e fez a remoção. Cerca de 30 barracos foram destruídos e queimados.

Até a publicação desta notícia a informação que tínhamos era de que os sem tetos continuavam próximo do terreno enquanto a tropa isolava a área.

Foto: Você no PIRANOT

O problema habitacional em Piracicaba se agravou nos últimos anos quando várias áreas de diferentes regiões passaram a ser invadidas sem ninguém fazer nada. Algumas delas, como a Portelinha, passarão por uma urbanização a mando do Ministério Público como penalidade para a Prefeitura por ela não ter feito nada para impedir, gerando assim despesas e dor de cabeça.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também