Pela terceira vez, leilão de prédios da Dedini não tem interessados

Pela terceira vez, leilão de prédios da Dedini não tem interessados

O Leilão realizado nessa sexta-feira (14), para a venda de dois barrações do grupo Dedini pela Central de Hastas Públicas em São Paulo, não teve nenhum interessado.

Dinheiro será usado para pagar impostos atrasados da empresa com o governo federal - Foto: Arquivo
Dinheiro será usado para pagar impostos atrasados da empresa com o governo federal – Foto: Arquivo

Os barracões são os do bairro Cruz-caiada, na região do Santa Rosa e o da mecânica pesada que funciona na Vila Rezende. Os dois estão avaliados em R$ 203 milhões.

O leilão que foi o terceiro realizado desde Agosto, servirá para quitar as dívidas da empresa com o governo federal. No próximo dia 27, os prédios vão novamente a leilão só que com preço promocional. Metade do valor avaliado pela justiça. Ou seja, pouco mais de R$ 100 milhões.

Enquanto isso, a empresa diz que vem tentando colocar as contas em dia. No mês passado os funcionários da Dedini entraram em greve após não receber a primeira parcela do 13°. Após dois dias os trabalhos foram retomados.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também