Fórmula 1 e o prefeito de São Paulo assinam acordo até 2020

Fórmula 1 e o prefeito de São Paulo assinam acordo até 2020

O Grande Prêmio Brasil de F1 está garantido até a temporada de 2020. Bernie Ecclestone, chefão da categoria, e Fernando Haddad [prefeito de São Paulo] assinaram acordo nessa quarta-feira após o governante garantir ao dirigente britânico as reformas no circuito de Interlagos – exigidas por Ecclestone.

As obras, inicialmente orçadas em 120 milhões de reais, terão como foco principal um novo paddock e uma nova área de boxes – na reta oposta – e a mudança da linha de largada/chegada.

A verdade é que, há algum tempo, as equipes de F1 reivindicam melhorias no autódromo José Carlos Pace – que hoje tem uma estrutura diminuta com relação a grandiosidade da categoria — imposta pelas necessidades promocionais dos times e do evento.

Modernidade – “Serão novos boxes para as equipes que há muito tempo reivindicam uma melhor infraestrutura para acomodá-las, e também o público vai ganhar um autódromo mais moderno, mais atualizado e que recoloca Interlagos nas melhores condições de abrigar a F1 em São Paulo – afirmou o prefeito Haddad para o site da Globo.

‘Eu estou muito animado que o prefeito concordou com os investimentos que pedimos muitos anos atrás. Se isso não acontecesse, com certeza teríamos que considerar não ter a corrida aqui. Nós estamos muito felizes agora”, disse Ecclestone.

As obras em Interlagos, de acordo com Fernando Haddad, serão financiadas pelo Ministério do Turismo.

Informar Erro

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo.

Leia também