Polícia Civil de Piracicaba desmancha quadrilha de estelionatários

Publicado no dia 13/04/2018 às 17:51Por: Rafael Fioravanti

A Polícia Civil de Piracicaba prendeu na manhã desta sexta-feira (13), em Piracicaba, três estelionatários responsáveis por aplicar golpes em todo o município.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT.

Segundo informações apuradas pelo jornal PIRANOT, a investigação da DISE (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) teve início há cerca de três meses, quando um grande número de pessoas começou a lavrar boletins de ocorrência a respeito de estelionatos.

Com uso de documentos falsos, os estelionatários praticavam crimes em vários comércios do município, não só na região central, mas também em áreas mais afastadas da cidade. “Os golpes eram feitos por meio de uma foto do estelionatário que ia praticar o crime”, comentou Mauro Junior, investigador da DISE, ao PIRANOT. “O estelionatário pegava uma foto dele e montava um documento utilizando dados de outras pessoas”.

Foi montado um esquema investigativo e, primeiro, as autoridades chegaram aos responsáveis pela distribuição desses documentos; posteriormente, a investigação avançou uma hierarquia, em direção à pessoa que fabricava toda a documentação. A investigação acabou levando também aos endereços e qualificações desses envolvidos, e, assim, foi descoberto que todos já possuíam passagens pela polícia por crime de estelionato.

Prisão

A prisão de todos esses envolvidos foi feita na manhã desta sexta-feira, 13 de abril, com cobertura exclusiva do PIRANOT. O imóvel onde funcionava a fábrica de falsificações localizava-se à Rua Miguel Antônio Gonçalves, no bairro Sta Cecília.

“Na data de hoje, realizamos a operação em cumprimento de quatro mandados. Na residência, foi localizado o local onde era montado toda essa documentação, repleto de espelhos de veículos, RG, Carteira Nacional de Habilitação, CPF, cartões de crédito e centenas de fotos 3×4 de pessoas que procuravam ele para fazer as falsificações”, comentou o investigador à nossa equipe.

No imóvel também foram encontrados computadores com as matrizes, pen drives, HDs externos com as matrizes, papel para falsificação e chancelas para chancelar os documentos.

O investigador também comentou com exclusividade ao PIRANOT que os três indivíduos presos estão sendo autuados em flagrante por falsificação de documentos e serão encaminhados ao CDP, onde ficarão à disposição da justiça.

“Com essa investigação, será possível esclarecermos também outros crimes de estelionato cometidos por eles”, finalizou o investigador.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT.

Foto: Wagner Romano / PIRANOT.

Acompanhe o Piranot

Quer saber o que acontece em Piracicaba e região? Então, clique aqui e baixe o nosso aplicativo para celular, nós te manteremos informado.

Qual sua opinião? Comente!