Alvo de críticas, Via Ágil garante que exames de funcionários estão em dia

Publicado no dia 08/12/2017 às 04:57Por: Redação - PIRANOT / PORJUCA

Foto: Divulgação

A Via Ágil respondeu por nota as críticas recebidas através das redes sociais do PIRANOT quanto a saúde dos seus funcionários. Em 10 dias, um motorista morreu e outro derrubou um poste após passarem mal conduzindo ônibus por importantes vias de Piracicaba. Esses casos foram noticiados aqui.

Segundo a empresa, após apurar os vídeos, tacógrafo e GPS do ônibus de prefixo 114017, que derrubou um poste da Avenida Corcovado, em Santa Terezinha, ontem (07), ficou constatado que o acidente ocorreu após o motorista, de 34 anos, acionar o freio e o veículo sofrer um leve desvio de trajeto. “O funcionário não teve lesões e por precaução foi levado ao hospital para observação e passa bem. Salientamos que todos os exames ocupacionais do profissional estão em dia.”, disse.

Após noticiar o acidente, por volta de 09h40, leitores do PIRANOT lembraram que na última semana um motorista faleceu após passar mal enquanto dirigia um ônibus pela Avenida Armando Salles. Ele chegou a ser socorrido, mas faleceu. Para nossos leitores, está tendo alguma falha nos exames dado os dois casos seguidos.

Ainda em nota, a Via Ágil disse que “aguarda o período de observação do motorista para que juntamente com o corpo técnico da empresa possam esclarecer todos os motivos do acidente.”

Qual sua opinião? Comente!