Varejão Municipal de Piracicaba oferece pescados com economia entre 10% e 20%

Publicado no dia 12/04/2017 às 10:09Por: Assessoria de Imprensa

Foto: Justino Lucente/CCS

A tradição pede que se consuma pescados durante a Quaresma e, principalmente, na Semana Santa. O bacalhau está entre os preferidos dos consumidores, mas existem outras espécies de peixes que podem compor uma refeição saborosa nesse período em que as carnes vermelhas são deixadas de lado por muitos brasileiros. Para atender a este público, a Prefeitura de Piracicaba, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Sema), promove anualmente o Varejão Especial de Pescados, que começa hoje (12), e segue até sábado (15), na rua Santa Cruz, 1.260, atrás do TCI (Terminal Central de Integração). No Varejão, além da qualidade e variedade, outro grande atrativo é a economia, que gira em torno de 10% a 20% em relação à iniciativa privada.

De acordo com Nilton Barbosa, do Departamento de Abastecimento (Depab) da Sema, seis permissionários vão comercializar peixes de diversas espécies, de água doce e salgada, congelados, de entrepostos como Bom Peixe, e frescos, da Ceasa (Central de Abastecimento) de São Paulo.

.

PARA TODOS OS GOSTOS – A carne de peixe é muito saudável, mas há diferenças entre os de água doce e salgada. O de água doce é mais gorduroso e tem um sabor de “terra”. O peixe de mar tem uma carne mais leve e menos gordurosa. Se forem de água quente, têm a carne mais mole; de água fria, mais dura e gordurosa, como é o caso do atum e do salmão.

Quem gosta dos peixes de água doce terá à disposição no Varejão o pacu (banda) e o tambaqui (R$ 23/kg), o cascudo (R$ 17/kg), costela de pacu e de tambaqui (R$ 24/kg), curimbatá (R$ 14,90/kg), dourada postas (R$ 36/kg), filhote inteiro (R$ 37,90/kg), filhote postas e pintado postas (R$ 39/kg), lambari e pacu grande (R$ 18/kg), piapara (R$ 23,90/kg), filhote inteiro (R$ 39/kg), pintado inteiro, com cabeça (R$ 35/kg), salmão filé (R$ 65/kg), tilápia filé san peters (R$38/kg), tilápia inteira (R$ 15/kg), trairão (R$ 16/kg) e tucunaré (R$ 24,90/kg).

O mais procurado entre os peixes de água salgada é, sem dúvida, o bacalhau. Nos varejões, são encontrados o lombo de bacalhau e bacalhau do Porto (R$ 35/kg). Além dele, há a merluza filé (R$ 23/kg), o merluzão (R$ 28/kg), cação lombo (R$ 19,90/kg), cavalinha (R$ 14/kg), pescada branca filé (R$ 25/kg), sardinha espalmada (R$ 16,90/kg), sardinha inteira (R$ 13,90/kg) e o camarão rosa (R$ 50/kg).

.

TRADIÇÃO – A permissionária Maria Aparecida Rosária Rombaldo comercializa peixes nos varejões municipais há 30 anos. De acordo com ela, entre os mais procurados pelos consumidores na Semana Santa em sua banca estão a piapara, filhote, pintado, cacão em posta, pescada branca filé e filé de aruanã. “Para churrasco são muito procurados o filhote e o pintado em posta. A piapara, então, nem se fala”, completou ela.

Gracia Lara compra peixes toda semana no Varejão da Vila Rezende. “Compro filé de pescada branca, pintado, bacalhau fresco, namorado, cação e salmão. Depende do bolso”. Na Sexta Santa, o peixe será o prato principal no almoço em família.

Sirlei Oliveira e a família consomem sempre. Entre os preferidos da família estão o filhote, bacalhau fresco, sardinha fresca e o crustáceo camarão. A receita de bacalhau em natas será o prato principal da Sexta-feira Santa. “Gosto muito de comprar no varejão, pois além dos preços serem bons, a qualidade também é muito boa”, disse.

Yvone Basaglia Zotelli, moradora do bairro São Dimas, já antecipou sua compra para no Varejão Central. Na semana passada ela levou sardinha salgada. “Frequento o Varejão Central quase todas as quartas-feiras. Comprei sardinha, que em filés e vou congelar para fazer no dia”, contou.

.

PARA ACOMPANHAR – Além dos peixes, o consumidor também encontrará nos varejões completa cesta de hortifrutigranjeiros, com economia que varia entre 28% a 35%. Os campeões de venda para acompanhar os pratos que levam peixes são o tomate, a cebola, a batata e os pimentões coloridos.

O consumidor vai encontrar estes produtos no Varejões Municipais com os seguintes preços aproximados por quilo: tomate salada (R$ 5,12), cebola grande (R$ 1,92), batata ágata especial (R$ 3,07). Já o pimentão verde custará, aproximadamente, R$ 3,20, e os pimentões amarelo e vermelho em torno de R$ 6,40.

A Sema informa que os preços estão sujeitos a alterações, conforme a cotação do mercado atacadista e varejista.

.

ONDE COMPRAR? – O Varejão Especial de Pescados acontece nas dependências do Varejão Municipal Central, à rua Santa Cruz, 1.260, Centro (ao lado do TCI – Terminal Central de Integração). No dia 12 funcionará das 15h às 19h30; dia 13, das 15h às 19h, e dias 14 e 15, das 6h às 12h.

Há bancas de pescados nos seguintes Varejões Municipais: São Jorge (terça-feira, das 15h às 19h30), Água Branca (terça das 5h às 19h30), Paulista II (quarta-feira das 15h às 19h30), Vila Sônia I (quarta, das 6h às 11h), Mário Dedini (domingo, das 6h às 11h), Alvorada (sexta-feira, das 15h às 19h30), Piracicamirim (sábado, das 5h às 11h), Paulista (sábado, das 7h às 19h30), Raposo Tavares (domingo, das 5h às 11h) e Cecap/Eldorado (domingo, das 6h às 11h).

Qual sua opinião? Comente!